Vestido de noiva com mistura de rendas e tules


Combinação infalível de tule com rendas

A noiva Cristiane alugou o seu vestido de noiva com muita antecedência. Um daqueles casos de ter certeza de que era o vestido certo para ela desde a primeira vez que o viu. E assim o vestido ficou reservado por quase um ano até que chegou o momento de fazer a prova e os ajustes necessários, que foram mínimos.

Bem, a peça que ela escolheu foi confeccionada para um desfile. Mas, parecia ter sido feito para Cristiane. É um vestido que começa como a maioria um tomara que caia de cetim de saia evasé sem muito volume.

É nos detalhes que foram acrescidos que o torna um vestido de noiva tão diferente. Por cima do cetim há uma camada de um tule trabalhado como se fosse uma tela. Depois desse tule veio o Irisé, bem soltinho na saia e drapeado no top. Então as aplicações começam a pipocar por todo o modelo. Mais intensas na parte de cima e à proporção em que desce vão ficando mais salteadas.

Bem, essas aplicações foram compostas de dois tipos de renda distintas, a Mariscot em ramos de flores com folhas e a Guipure em flores solo. Todas rebordadas com miçanguinhas, vidrilhos, paetês e cristais. Brilho o suficiente para a noite ser perfeita.

O último detalhe compõe o vestido não deixando dúvidas que se trata de uma noiva: a cauda. Nesse modelo ela é removível e foi montada com várias camadas de tule e presa por colchetes por dentro da faixa de cetim na cintura. A princípio parece ser parte integral do vestido conferindo elegância e cerimônia para as tradições do momento. E após toda a pompa e circunstancia a noiva poderia retirar e dançar muito na sua festa.

E o véu? Mantilha, é claro. O complemento ideal para um vestido com riqueza de rendas.

Cauda removível a partir da cintura

Top tomara que caia e saia evasé

Várias aplicações de rendas rebordadas

Tradicional abotoamento de noiva nas costas

Texto e fotos de Bárbara Mendonça



Comentários

  1. A NOIVA FICOU MARAVILHOSA!!!...O VESTIDO É LINDO.

    ResponderExcluir

Postar um comentário