Mudanças, novidades e um pouquinho da história do ateliê



A estilista Maria Paula Guimarães inaugura o novo espaço de seu ateliê de alta costura, o By Paula. Depois de um ano de trabalho, o projeto dela transformou uma casa velha, acabada e mofada em um ambiente amplo e iluminado para atender suas clientes.

Esse é um momento especial, Maria Paula comemora 20 anos de carreira. Desde que se formou em Estilismo pela Federal não tirou mais o pé do pedal de sua máquina de costura. “Comecei do zero com roupinhas normais. Mas, meu objetivo sempre foi trabalhar com noivas”, conta ela. Fascinada com o especial da noiva Maria Paula gosta de participar dessa “fase gostosa da vida da mulher”, e assim se especializou nos sonhados vestidos de noiva. Para criar o vestido perfeito de cada noiva tudo é levado em consideração: cor dos olhos, tons de pele, tipo físico, personalidade, preferências da cliente. Cada pormenor conta e ajuda na criação da peça.

A nova casa foi idealizada para ter o jeito da estilista. Sua personalidade está estampada em cada detalhe. Tudo planejado para dar o melhor atendimento e conforto às suas clientes e maior funcionalidade à sua empresa.

Com elementos modernos e retrô é possível passar horas apreciando a decoração. Cada cantinho traz uma particularidade, como o adesivo na parede do escritório de Maria Paula que conta a história da moda desde o século X até 1929. Nem o banheiro escapou dos caprichos dela. Uma parede azul turquesa contrasta com as estampas de modelos antigos da parede oposta. Cada característica faz a pessoa lembrar que está num ateliê de moda.

Essa não é a primeira vez que ela precisa de uma mudança para comportar as demandas do By Paula. Quando começou a estilista trabalhava sozinha e ocupava um tímido espaço no apartamento da mãe. Com o aumento do número de clientes veio a necessidade de se acomodar num lugar maior, passou a dividir um apartamento com outra pessoa, mas logo precisou de mais espaço e desde então só vem melhorando. Nos últimos dez anos o By Paula ocupou um pequeno apartamento no bairro Sion, em Belo Horizonte. Hoje a casa é espaçosa e Maria Paula conta com mais duas costureiras e duas bordadeiras.

As bonecas

São várias as bonecas que enfeitam o ateliê de Maria Paula, podem ser um detalhe, um charme a mais para quem entra no local pela primeira vez. Mas as bonequinhas têm um significado para a estilista, elas fazem parte da história de sua carreira.

A arquiteta que perdeu o emprego por causa do Plano Collor deu a volta por cima resgatando uma atividade que já a acompanhava desde menina. Maria Paula fazia as roupas de suas bonecas “Sempre gostei de costurar”, conta. A garotinha que criava os modelos das próprias bonecas cresceu, foi para a faculdade de arquitetura e depois passou a exercer a profissão. “Nunca parei com a costura, costumava fazer roupas para as minhas colegas”, completa Maria Paula.

E foi assim, confeccionando para as amigas, que Maria Paula encontrou a profissão que lhe renderia uma carreira promissora. A partir daí resolveu estudar Estilismo pela UFMG. Era um curso voltado para profissionais da área “E como portfólio apresentei as roupas das bonecas”.

Este mimo acompanha a estilista desde a infância. E até hoje ela cultiva o carinho pelas bonecas. Ela mesma confeccionou as roupinhas das que podem ser vistas no novo ateliê. “Já houve noiva que quisesse um vestido igual de uma das minhas bonecas” contou Maria Paula.

Vestidos de aluguel

As noivas que se encantaram com os seus vestidos produzidos no By Paula agora podem dividir essa alegria com outras noivas. Agora o ateliê possui um cantinho para vestidos destinados a aluguel. São vários modelos cada um mais belo que o outro. Se o tempo está curto e não dá tempo de confeccionar um para você, é provável que tenha um lindo vestido que combine com seu estilo entre esses.



Enxoval

Outra novidade é que agora o By Paula possui um espaço de vendas com peças para enxoval de noivas e bebês. “Tudo a ver com noivas”, disse ela. A moça que vai se casar pode encontrar o que estava faltando em seu enxoval enquanto faz a prova do vestido. Ou quem sabe um presente para a irmã, cunhada ou amiga que esteja grávida.

São peças que em sua maioria apresentam uma tendência que havia se perdido. Quem não se lembra dos guardanapos delicadamente bordados da casa da avó? Os mimos da casa estão de volta com direito a muitos bordados e rendas. Esse tipo de artesanato ficou esquecido durante um tempo. Essa releitura traz de volta a “valorização do artesanato manual. É uma quebra do produto industrializado, um retorno do antigo”, comenta Maria Paula. “Agente vive de mimos e de coisas delicadas”, completa ela que não abre mão dessas riquezas no seu lar.

Fotos e texto: Bárbara Mendonça



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Você planejou um casamento Boho e agora procura por um vestido de noiva natural e romântico que combine com você e a cerimônia? Então, este post é para você!

Você quer um vestido de noiva que combine com uma cerimônia tradicional e seja delicado e romântico? Veja aqui o modelo da Aline.

Um vestido de noiva com uma proposta clean e um toque de brilhos intensos para equilibrar com a simplicidade